Relendo Velhos Diários

03/03/2011

Ultimamente tudo me remete aos meus 14 anos; o disco Let It Be, um poema de Denise Arielle, juntar moedas, Christiane F., vegetarianismo...
Engraçado, a gente fica louco para a adolescência acabar logo. Mas quando chega os 20 anos, e você vê que não tem volta, lá está você feito um pato, sem saber o que fazer. Queria eu ser decidida.
Aqui está o poema:

When
Quando tudo se fecha
e o seu amor te deixa;
Quando o mundo se abre
e você quer que ele acabe;
Quando a música que você gosta não toca
e alguém do seu lado te provoca;
Quando você tenta fazer tudo certo,
mas existe sempre uma garrafa de vodca por perto;
Quando a vida te deixa triste
e você, com medo de tudo, desiste;
Quando você não consegue afinar seu violão
e com raiva de tudo, o joga no chão;
Não existe nada a fazer,
apenas trancar a porta do quarto e beber.
Acho que tudo sempre fica no oculto,
e no oculto sempre existe um pouco de tudo.
Mas acho que isso não tem nada a ver,
e já disse que não existe nada a se fazer.
Mas quando tudo se fecha
e o seu amor te deixa,
você sempre espera que algo de bom aconteça.
Denise Arielle


(Dica musical de hoje: John Legend. O cara é realmente uma lenda).

3 Comentários

Bruna Morgan disse...

Já tem 20 anos? o.o
Eu ainda tenho 3 anos até lá

Bruna Morgan disse...

O engraçado é que TUDO me leva aos 6 e aos 12 anos de idade o.o

My Lascola disse...

Eii,
verdade. Acabei de fazer 18 e sinto tantas saudades dos 15. *-* . Faz parte. Bom feriado. Beijo.